domingo, 2 de novembro de 2014

Manifesto anti-filas de supermercado por Beatriz Rosa








Basta! Pum! Basta! 


Ódio, maldade e inveja já eram problemas suficientemente graves para a humanidade, até que se vieram juntar a esta lista as terríveis e horrorosas filas de supermercado, mais conhecidas por ‘’bichas’’!



Ai cessem estas asquerosas que, além de tudo, são malvadas e manipuladoras pois, no momento de escolher um dos vários percursos para o calvário (a espera sem fim) vamos sempre escolher a fila mais demorada e mais problemática.

As filas, que deveriam servir para organizar um local público, conseguem, de facto, desorganizar a cabeça dos clientes e pôr a minha paciência tão em baixo que quase chega ao núcleo terrestre!

Como são diabólicas as filas que nos levam ao desespero, depois de ver que à nossa frente está uma avozinha de setenta anos e uma mãe com cinco filhos ao colo!

BASTA DE TANTA ESPERA NO SUPERMERCADO! MAIS RAPIDEZ!



Mas as temíveis filas não trabalham sozinhas! Têm como submissa a simpática rapariga da caixa que passa o dia a sorrir como se quisesse que alguém lhe partisse os dentinhos, um por um! Oh! E lá começa ela com os habituais problemas resultantes da dificuldade em passar códigos de barras:

- «Oh colega? Como faço para anular o código de barras da banana da Madeira que inseri em vez do papel higiénico?».

BASTA DE TANTA ESPERA NO SUPERMERCADO! MAIS RAPIDEZ!



As pessoas amontoam-se como formigas e, uma por uma, começam a sofrer as consequências da bicha malvada:

Pobre senhora que, com o nervosismo de saber que está finalmente a pagar, deixa cair a carteira com trinta cartões diferentes e acaba por não encontrar o certo!

Pobre mãe que não consegue controlar os filhos possuídos pela malvadeza da caixa, até ao momento da terrível intervenção: «Serviço de limpeza para a caixa seis!».



Será que este tormento não irá terminar?

Pobre de nós, formiguinhas, que vemos isto tudo e não podemos fazer nada!

Malditas sejam estas filas malvadas! 


FIM a esta falta de profissionalismo daS Dentuças da caixa!

FIM à corrida, que fazemos mentalmente, com a pessoa que escolheu a caixa ao lado e já se despachou há três horas! 


FIM ao interminável bip-bip!

FIM a esta crueldade com toda a gente, desde bebés a idosos! 


E, por último, FIM à impaciência dos clientes porque, na próxima vez, quem vai sofrer é a menina da caixa! CÁRIES PARA ELA! PIM!


Beatriz Rosa, 12º C



2 comentários:

Fátima Inácio Gomes disse...

Nossa, que "biolência"!!! coitadas das moças. Ou terás acordo com algum médico?

A tua teoria lembra a implacável lei de Murphy :D

https://www.facebook.com/video.php?v=4977034815963&pnref=story

aausbaas aiushainsa disse...

Está fixe!